20 Outubro 2021
pt | en Contactos | Mapa do Site
Página Inicial » Newsletter
Museu de História Natural integra consórcio nacional de colecções de História Natural Versão para impressão Enviar por E-mail
MMF

A partir de 1 de Janeiro de 2011 o Museu de História Natural do Funchal passou a estar integrado num consórcio nacional de colecções de História Natural, do qual foi fundador.

Entre as Universidades de Coimbra, de Lisboa, do Porto, o Instituto de Investigação Científica Tropical e a Câmara Municipal do Funchal, foi constituído um consórcio denominado “Consórcio nacional para a valorização e uso científico das Colecções de História Natural”, que tem por objecto a valorização e uso científico das Colecções de História Natural de cada um dos seus membros, organizadas nas colecções do Museu da Ciência da Universidade de Coimbra, do Museu Nacional de História Natural da Universidade de Lisboa, do Museu de História Natural da Universidade do Porto, do Instituto de Investigação Científica Tropical e do Museu de História Natural do Funchal.

Portugal possui um importante acervo de Colecções de História Natural, em instituições universitárias e de investigação, que foi sendo constituído ao longo dos últimos séculos para fins de investigação, documentação da diversidade natural e ainda de divulgação. Essas colecções documentam e reflectem a diversidade biológica e geológica nacional e de outras regiões do globo, principalmente de países lusófonos. As colecções biológicas constituem, em particular, um acervo único sobre a biodiversidade de várias regiões do Planeta. As colecções geológicas são igualmente fundamentais para o entendimento da biodiversidade, pelo seu carácter essencial na natureza e estudo da diversidade dos ecossistemas.

As colecções científicas, e as colecções de história natural em particular, assumem hoje um papel muito relevante, quando se colocam problemas globais à humanidade e se tornam necessárias investigações, utilizando grandes quantidades e longas séries de dados, que permitam testar hipóteses e modelos que possibilitem o desenvolvimento de estratégias sustentáveis para o futuro. Constituem ainda importantes infra-estruturas científicas possuindo actualmente um papel de renovada importância no plano da investigação sobre alterações globais e ameaças à biodiversidade, incluindo segurança alimentar, saúde pública, alterações climáticas e recuperação e conservação dos ecossistemas. O progresso científico de longo termo nestas áreas do conhecimento depende criticamente das colecções de história natural e da sua acessibilidade e uso em investigação científica. A sua importância pode ainda ser crítica em áreas de regulação governamental ou na aplicação de legislação.

São objectivos do consórcio, entre outros, constituir-se em estrutura nacional que coordene e promova acções articuladas de preservação e investigação das suas colecções e contribua para ampliar o seu valor científico, a sua visibilidade e a criação de sinergias entre os seus membros; Promover o reconhecimento do Consórcio como interlocutor fundamental na definição de estratégias de preservação e investigação do património científico de história natural tendo em vista a conservação da biodiversidade e a promoção do desenvolvimento sustentável; Promover o desenvolvimento de iniciativas comuns e de criação de uma cultura de cooperação inter-institucional, envolvendo a criação de grupos de trabalho, entre outras iniciativas.

A integração do Museu de História Natural do Funchal neste consórcio constitui mais uma prova da importância das suas colecções no contexto nacional e internacional.

 


Galeria de Fotos

 

(Fotos de: Manuel Biscoito/DCI e Ricardo Delgado/CMF)

 
Mapa do Site | Sugestões | Condições de utilização | Privacidade | © 2021, Municipio do Funchal Facebook | RSS