20 Outubro 2021
pt | en Contactos | Mapa do Site
Página Inicial » Newsletter
Pelargonium Versão para impressão Enviar por E-mail
02  O Jardim de Plantas Aromáticas e Medicinais, inaugurado no dia 5 de junho de 2000, Dia Mundial do Ambiente, é um espaço aprazível onde os visitantes podem conhecer mais de quatro dezenas de plantas medicinais, aromáticas e algumas ornamentais, oriundas dos 5 continentes.

 Nos 890 m2 deste Jardim o visitante pode observar plantas como a cana-de-açúcar, o funcho, a consolda, a salva, a salsa, o aipo, diversas hortelãs, a babosa, a árvore-da-canela e uma Ginkgo biloba, originária da China e do Japão.

Neste mês, não será dado enfoque a uma planta em particular mas a várias plantas aromáticas, vulgarmente conhecidas por “malvas”, que partilham o mesmo nome genérico, Pelargonium.

O género Pelargonium conta com cerca de 250 espécies, distribuídas maioritariamente pela África do Sul, com algumas poucas espécies ocorrendo na região tropical africana, Médio Oriente e Austrália.

Desde o século XVII que as “malvas” aromáticas são cultivadas na Europa, existindo numerosos híbridos e cultivares. Apesar de terem este nome popular, estas plantas pertencem todas à família das geraniáceas.

Aqui far-se-á referência a algumas das “malvas” que podem ser observadas no Jardim de Plantas Aromáticas e Medicinais, o seu nome científico, nome vulgar, origem e uso mais comum.

Pelargonium crispum L’Hér.; malva-limão; África do Sul; na culinária, as folhas podem ser usadas para fazer infusões e, frescas, para aromatizar molhos, sorvetes, gelados, bolos, ponche de frutos e vinagre.
As folhas secas são usadas em pot-pourris e em almofadas de ervas aromáticas.

Pelargonium ‘Fragans Variegatum’; malva-noz-moscada; hortícola; As folhas secas são usadas em pot-pourris.

Pelargonium graveolens L’Hér.; malva-rosa; África do Sul; na culinária as folhas são usadas da mesma forma que a espécie anterior; o óleo da malva-rosa é usado na perfumaria e aromaterapia. As folhas secas são usadas em pot-pourris.

Pelargonium odoratissimum (Soland.); malva-maçã; na culinária as folhas são usadas da mesma forma que P. crispum.

Pelargonium tomentosum Jacq.; malva-hortelã-pimenta; África do Sul; na culinária, as folhas podem ser usadas para fazer infusões, ponche de frutos e geleias. As folhas secas são usadas em pot-pourris.

 

Galeria de Fotos

Fotos e texto de: Juan Silva/DCI

 
Mapa do Site | Sugestões | Condições de utilização | Privacidade | © 2021, Municipio do Funchal Facebook | RSS