9 Dezembro 2021
pt | en Contactos | Mapa do Site
Página Inicial » Novidades » Embarcação WEST regressa ao mar
Embarcação WEST regressa ao mar Versão para impressão Enviar por E-mail
01  Vai ter lugar a bordo do NRP Schultz Xavier ao largo do Funchal, o lançamento à água de uma pequena embarcação autónoma, WEST, no dia 27 de janeiro de 2016.

 Este lançamento, organizado pelo Kit do Mar e pelo Departamento de Ciência da Câmara Municipal do Funchal, através da Estação de biologia Marinha do Funchal, com o apoio do Comando de Zona Marítima da Madeira, será feito simbolicamente por alunos da Escolas Básicas do 2º e 3º ciclos, Dr. Horácio Bento de Gouveia, Funchal e da Torre, Câmara de Lobos.

Na mesma altura a equipa do Kit do Mar fará a entrega de um novo barquinho aos alunos e professores das escolas presentes, para que possam em 2016, a partir da Madeira, repetir a experiência do WEST.

Antecedentes:

Em dezembro de 2013, a escola de Westbrook (Maine, EUA) lançou às águas do Atlântico um pequeno veleiro de 1,42 metros de comprimento equipado com GPS. Entregue aos ventos e às correntes oceânicas, o WEST navegou durante quase um ano e veio dar à costa em Portugal, na praia de São Pedro de Moel.

A partir da mobilização de várias entidades portuguesas ligadas ao mar foi possível recuperar este barquinho e envolver duas escolas na sua redecoração, num projeto educativo que teve como fim o lançamento do WEST nas águas do Atlântico.

Quando em novembro de 2014, o WEST deu à costa na praia de São Pedro de Moel, pouco mais era que um casco sem vela, já muito gasto e carcomido pelo mar e pelo tempo. Mas o seu aspeto exterior escondia uma história incrível, que começara quase um ano antes no outro lado do Oceano.

O WEST foi batizado por alunos da Escola de Westbrook, no Maine (E. U. A.), e lançado ao mar em dezembro de 2013, numa iniciativa promovida pelo projeto norte-americano “Educational Passages”. Impulsionado pela força do vento e das correntes, navegou à deriva pelo Atlântico, sempre monitorizado via Internet pelos alunos de Westbrook que equiparam o barco com um GPS e um transmissor (via satélite). Quase um ano depois, o WEST chegava por fim a terra, dando à costa junto ao farol de São Pedro de Moel.

Luís Sebastião é um investigador do Instituto Superior Técnico (IST) que trabalha com robots marinhos. Soube da iminente chegada do WEST à costa portuguesa através do coordenador do “Educational Passages”, Dick Baldwin. As condições do mar obrigavam a um rápido resgate do barquinho e o investigador do IST não perdeu tempo: contactou o Eng.º Jorge Barroso da Ocean Puzzle, para apoio e coordenação local na Nazaré, e envolveu colegas do IST do centro MARETEC para realizarem simulações de modo a prever o local exato onde o veleiro iria acostar.

No dia 12 de novembro de 2014, com a colaboração do Capitão do Porto da Nazaré e da Guarnição do Farol do Penedo da Saudade (São Pedro de Moel), foi possível resgatar o WEST ao mar. Tinha atravessado o Oceano Atlântico e navegado perto de 11 mil milhas. Esta longa travessia teve naturalmente reflexo no estado do barco que chegou a terra bastante desgastado e até com alguns percebes a viver no casco. Da vela, nem sinal...
Já com o WEST em terra, tornou-se mais fácil unir esforços de várias entidades no sentido de impulsionar a recuperação do veleiro. Ciência Viva, Kit do Mar, IST, MARETEC, Valuma e Ocean Puzzle aderiram à causa e juntos criaram o projeto “WEST leva Portugal ao Mundo”. Desde cedo contaram também com o apoio e patrocínio do projeto europeu Sea For Society e de duas empresas da Nazaré: DL-Publicidade e SILCAR.

Com a orientação do Kit do Mar, foi então lançado o desafio a alunos do 5.º ano de duas escolas da Nazaré: EB 2,3 Amadeu Gaudêncio e Externato Dom Fuas Roupinho. Após a recuperação do veleiro nos Estaleiros SILCAR, cada escola teria a seu cargo a pintura de um dos lados do casco do WEST e a redação de uma mensagem em português e inglês para acompanhar o barco na sua próxima travessia.

Após o lançamento simbólico do WEST no rio Tejo, a Caravela Vera Cruz levou o pequeno veleiro para o lançar em mar alto. A bordo desta missão seguiram 8 alunos do projeto "A Ponte entre a Escola e a Ciência Azul" que participaram no lançamento. Mas, depois de ser lançado em alto mar pela Caravela Vera Cruz, o WEST "resolveu" dar meia-volta e regressar a Portugal ainda antes do final do mês de junho.

Uma vez apuradas as previsões do IST/MARETEC, que davam conta da possibilidade do WEST encalhar perto do cabo de Sagres, foi então mobilizada uma equipa de 5 pessoas, com representantes da EMEPC e do IST/ISR, que partiram ao resgate do barquinho. A bordo de uma embarcação da empresa Mar Ilimitado, esta equipa fez-se ao mar em busca do WEST, contando ainda com o apoio em terra de representantes do IST/MARETEC.

As esperanças de encontrar o pequeno barquinho nem sempre foram as maiores, mas pelas 6h15 de domingo (21 de junho), o WEST foi avistado a navegar tranquilamente nas águas algarvias.

Com o objetivo de fazer o WEST regressar a terras norte-americanas, apurou-se que o melhor local para o largar rumo ao continente americano seria a partir do arquipélago da Madeira.

No dia 28 de setembro de 2015, com o apoio da companhia de transportes marítimos Transinsular, o WEST chegou ao arquipélago da Madeira a bordo do "Monte Brasil", onde foi recolhido por Manuel Biscoito do Departamento de Ciência da Câmara Municipal do Funchal. O WEST ficou assim à guarda da Estação de Biologia Marinha do Funchal, à espera de um oportunidade com tempo favorável para iniciar a sua viagem de regresso.

Será agora devolvido ao mar, no dia 27 de janeiro de 2016 por alunos madeirenses das Escolas Básicas do 2º e 3º ciclos, Dr. Horácio Bento de Gouveia, Funchal e da Torre, Câmara de Lobos, mobilizados pela Estação de Biologia Marinha do Funchal e com o apoio da Armada que disponibilizou para o efeito o NRP Schultz Xavier. Estarão presentes, para além de Mafalda Freitas, Diretora da Estação de Biologia Marinha do Funchal e Manuel Biscoito, Raquel Costa, Coordenadora do Kit do Mar e Luís Sebastião do Instituto Superior Técnico.

Na mesma altura a equipa do Kit do Mar fará a entrega de um novo barquinho aos alunos e professores das escolas presentes, para que possam em 2016, a partir da Madeira, repetir a experiência do WEST.

 

Galeria de Imagens

 

 

(Imagem de: EMEPC; Texto de: Manuel Biscoito /DCRN)

 
Mapa do Site | Sugestões | Condições de utilização | Privacidade | © 2021, Municipio do Funchal Facebook | RSS